Franca Basquete e EMS firmam parceria para os playoffs do Paulista

24/09/2014

O Franca Basquetebol Clube
concretizou, nessa semana, um patrocínio pontual para os playoffs do Campeonato
Paulista 2014. A EMS, maior indústria farmacêutica no Brasil, líder de mercado
há oito anos consecutivos, será a parceira do clube de basquete mais
tradicional do país durante as fases decisivas do estadual.


O patrocínio se inicia já nesta
quinta-feira, 25 de setembro, data do primeiro jogo das semifinais contra o
time de Bauru. O confronto será disputado no Ginásio Panela de Pressão, casa do
adversário francano.


Além de estampar a camisa do
time da Capital do Basquete, a EMS também terá sua marca divulgada em placas de
publicidade, tanto dentro de quadra, como no anel superior do Pedrocão. Já para
as partidas disputadas fora de casa, o laboratório terá à disposição uma placa
em quadra. A EMS realizará, ainda, ações para promover a marca nos intervalos
dos jogos disputados em Franca.

 

Sobre a
EMS


A EMS é o maior laboratório
farmacêutico brasileiro, líder de mercado tanto em unidades comercializadas
quanto em faturamento, e segunda no ranking de maiores farmacêuticas da América
Latina (IMS Health). Com 50 anos de história, a empresa tem atuação nos
segmentos de prescrição médica, genéricos, medicamentos de marca, OTC e
hospitalar, produzindo medicamentos para praticamente todas as áreas da
Medicina. Possui duas plantas produtivas: em São Bernardo do Campo, na Grande
São Paulo, e em Hortolândia, na região metropolitana de Campinas (SP), onde
funciona um moderno complexo industrial, incluindo o Centro de Pesquisa &
Desenvolvimento, um dos maiores e mais modernos da América Latina, além da
moderna e totalmente robotizada unidade de embalagem de medicamentos sólidos.
Os medicamentos desenvolvidos e produzidos pela companhia são comercializados
no Brasil e exportados para mais de 40 países.


A EMS, como uma das
farmacêuticas nacionais acionistas da joint venture Bionovis, investe
decisivamente no segmento de medicamentos biotecnológicos, considerados o
futuro da indústria farmacêutica e foi a primeira indústria brasileira a
submeter à avaliação da Anvisa medicamentos biossimilares de alta complexidade.


A inovação radical, com
iniciativas e investimentos no mercado norte-americano, bem como a inovação
incremental, também está entre as apostas do laboratório para a manutenção do
crescimento nos próximos anos.
www.ems.com.br

 

COMPARTILHAR  

NOTÍCIAS