DSC_0671
Jogadores do Franca Basquete visitam alunos da escola Caminho Suave

26/04/2016

Na tarde desta segunda-feira, dia 25 de abril, os jogadores do Franca Basquete, juntamente com o técnico Lula Ferreira, visitaram os alunos da segunda a quinta série da escola Caminho Suave. Os atletas compareceram à quadra do Internacional, onde acontecem as aulas de educação física do colégio, um dos mais tradicionais da cidade.

DSC_0671

A presença dos jogadores da Capital do Basquete fez a alegria das mais de cem crianças, que aproveitaram a oportunidade para conversar com os ídolos francanos e também para jogar basquete, é claro!

DSC_0730

DSC_0743

Os atletas e o treinador Lula contaram um pouco de sua rotina e de sua carreira. Explicaram como começaram a jogar e incentivaram os pequenos à prática esportiva, além de ressaltarem a importância dos estudos em primeiro lugar.

“O Franca Basquete tem como filosofia devolver para a sociedade de Franca todo o apoio que ele recebe em seu time adulto e de base. Uma das formas de fazer isso é realizando visitas nas instituições de ensino com os jogadores e membros da comissão técnica. Dessa forma, buscamos incentivar as crianças e os jovens da cidade à prática esportiva, independente da modalidade escolhida, além dos estudos. Essa é uma importante contribuição, pois o atleta é sempre um ídolo e uma pessoa a ser seguida. Essa proximidade com as crianças ajuda na conquista por uma vida saudável, pautada na responsabilidade e bons hábitos”, disse Lula.

Os alunos tiveram a chance de fazer perguntas para a equipe francana e também de tirarem muitas fotos com os jogadores.

DSC_0678

“A escola Caminho Suave foca muito nos esportes, pois, assim como o estudo, eles fazem parte da educação. Trabalhamos quatro modalidades durante os bimestres e o basquete é um dos mais queridos pelas crianças, acredito que pela tradição e força de Franca. Por isso, pedimos a presença dos jogadores do Franca Basquete em nossa aula de educação física. Tenho certeza que os alunos vão levar esse dia para o resto da vida”, afirmou Vera Lúcia Silva Garcia, proprietária da escola.

COMPARTILHAR  

NOTÍCIAS