SENTIMENTOS

14/11/2014

Hoje fujo à regra, vou escrever sobre algo que já havia prometido não mais fazê-lo, mas eis que surge um motivo maior. Acho que o momento exige uma grande reflexão do basquete brasileiro e dos responsáveis pela modalidade no país, mais especificamente de um povo e sua cidade.

Escrevo com tristeza sobre o que está acontecendo com o basquete de Franca. Sentimentos difíceis de serem omitidos. É inadmissível para mim que acompanho o basquete de Franca desde o seu renascimento, ainda no final da década de 50, saber que ele pode fechar suas portas por falta de patrocínio. Amigos, nunca tive o privilégio de vestir a camiseta de Franca, afinal, sempre fui um ferrenho adversário, mas sempre soube reconhecer o seu valor no basquete brasileiro e mundial. Sempre respeitei muito aquela camisa e todos os seus símbolos vividos em toda a sua história, única e indissolúvel.

O basquete de Franca faz parte de uma linda história de amor. Ali, desde os tempos do clube dos Bagres, tive a oportunidade de vivenciar o progresso e a evolução de uma torcida e de uma equipe abnegada e determinada ao sucesso. Ninguém pode negar em qualquer tempo que Franca é a capital do basquete brasileiro, pelo seu passado e presente. Não consigo acreditar que na capital do calçado brasileiro, pra não dizer mundial, não exista um compromisso público, social e financeiro pela sua continuidade. O povo francano não merece tanta desfeita pública, quando ao sabor do tempo o basquete sempre enalteceu a magnitude da sua honra e da sua dignidade.

Vamos lá meu povo, abram os braços, vamos acolher o que lhe é mais sagrado. O basquete aguarda uma resposta e o seu precioso compromisso com a sociedade. A alma de um povo não pode ser estraçalhada pela displicência dos seus feitores. Reajam, lutem, e o mais importante, pensem. Pensem nos seus filhos, netos e bisnetos. Essa história de amor não pode acabar na guilhotina. Não pode morrer por inanição financeira, a alma vale muito mais que a matéria. Força minha gente, vamos levantar mais esse título. 

Abraços

Wlamir Marques
Bi-Campeão Mundial de Basquete 


O Franca Basquetebol Clube gostaria de agradecer por esta bela manifestação pública de apoio de um dos maiores atletas brasileiros de todos os tempos. Mestre Wlamir, tenha a certeza de que vamos vencer esse desafio e levantar mais esse título.

* Agradecemos ao torcedor Gustavo Godoi pela colaboração.

COMPARTILHAR  

NOTÍCIAS